Blog VILAGE

Quem pode usar o símbolo ® de marca registrada?

Marca Registrada

A resposta parece óbvia: só pode usar o símbolo de marca registrada… quem tem a marca registrada! Afinal, aquele “R” dentro do círculo, serve justamente para comprovar visualmente que sua marca está registrada junto ao INPI (Instituto Nacional da Propriedade Industrial).

No entanto, algumas empresas usam o ® sem fazer ideia do seu real significado. Fique atento! Fazer uso inadequado do símbolo de marca registrada pode levar uma empresa a ser penalizada por publicidade enganosa* e concorrência desleal**, entre outras infrações.

Em outras palavras, ao usar o símbolo sem ter o registro, a marca induzirá o consumidor ao erro, uma vez que está transmitindo uma informação que não corresponde à verdade.  Não vale a pena correr este risco.

Como usar o símbolo de marca registrada

Se você realizou o processo de registro de marca, está autorizado a usar o “R” de registro. Além disso, sua marca não poderá ser usada por terceiros.

Você não é obrigado a usar o símbolo, no entanto, ele revela a transparência e compromisso da marca com o cliente. Da mesma forma, não existe regra pré-determinada de como ele deve ser usado, mas, em sua maioria, as empresas seguem o mesmo padrão:

  • É alinhado ao topo ou base da imagem gráfica da marca;
  • Normalmente o símbolo é utilizado na lateral direita;
  • Deve ser pequeno, evitando chamar mais atenção que a marca;
  • Pode ser usado apenas o “R” ou “MR” de marca registrada.

Porque algumas marcas trazem outros símbolos, como C e TM?

Até aqui falamos sobre o “R”, símbolo do registro de marca junto ao INPI. Mas no Brasil também é comum encontrar a letra “C” protegida por um círculo e aplicada em marcas. Neste caso, trata-se de Copyright©, ou seja, o registro de direitos autorais.

É ele que garante que o autor de livros, músicas, filmes e vídeos, por exemplo, receba os lucros derivados da venda deste material ou que possa agir caso outra pessoa copie ou utilize o mesmo sem autorização.

Já o símbolo ™ (Trade Mark) significa que a marca foi registrada no exterior. Se você pensa no crescimento internacional da sua empresa, deverá solicitar o registro da marca nos países onde deseja expandir. É um processo semelhante ao que fazemos no Brasil, mas com algumas diferenças ao longo das etapas.

Certificação internacional

A VILAGE é a primeira empresa brasileira membro do INTA (InternationalTrademarkAssociation) a obter a Certificação ISO 9001 para todos os seus serviços, incluindo os internacionais, com selos da UKAS (reconhecido na Europa) e da ANAB (reconhecido nos Estados Unidos).

Isso significa que estamos prontos para oferecer serviços de pesquisa, registro e acompanhamento de marcas e patentes no exterior assegurando a mesma qualidade e eficiência apresentadas nos serviços efetuados no Brasil. Se quiser saber mais sobre isso, pode solicitar informações para um especialista clicando aqui.

Cliente compra a marca, não o produto

Nosso CEO, Geisler Chbane Bosso, já comentou em outro post que “o registro de marca é um ato de lealdade e de responsabilidade para com o seu consumidor”. É a marca que vai estabelecer o relacionamento entre a empresa e o cliente, por isso, uma empresa com marca registrada é mais valorizada e transmite segurança para o consumidor.

Saiba mais sobre o processo de registro e o que a VILAGE pode fazer pela sua marca e seu negócio. Clique aqui e entre em contato!

*Publicidade enganosa (art. 37 – lei 8078/90)

**Concorrência desleal (art. 195, incisos I, III, e VII, da Lei da Propriedade Industrial – LPI1)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias Relacionadas

Categorias